Noite de coco, embolada e música eletrônica no Polo Silvino Macedo

Fãs da música alternativa sentiram-se presenteados nessa sexta

Nessa sexta (14), quem esteve no Polo Silvino Macedo pôde vivenciar a diversidade cultural de Pernambuco aliada à batida eletrônica. A noite da música alternativa estava repleta de fãs que se sentiam carentes de apresentações do tipo na cidade. “Quem gosta desse tipo de música está muito feliz pela iniciativa”, conta o estudante Tiago Santos.

O caruaruense Erisson Porto abriu a noite de shows animando o público com canções autorais e de outros pernambucanos, como Lenine. Lucas dos Prazeres botou todo mundo pra dançar coco, embolada e reviveu clássicos cantados por Fagner e Alceu Valença. Maciel Salú e sua rabeca entraram no palco com maracatu rural e um agradecimento por estar tocando na cidade pela primeira vez. “Finalmente, vim cantar em Caruaru. Estou muito feliz e agradeço a todos da Fundação de Cultura e Turismo pela oportunidade”, exalta o filho do Mestre Salustiano. Quem fechou a noite foi a sertaneja de Triunfo, Radiola Serra Alta, que mistura embolada e música eletrônica.