Prefeitura de BJ monta força-tarefa para atuar em caso de enchentes

Equipe multidisciplinar vai ficar de prontidão 24h por dia

 A noite deste domingo (28), foi de muito trabalho para a Prefeitura Municipal de Belo Jardim. Isso porque, integrantes das secretarias de Obras, Ação Social, Agricultura, Saúde e Transporte se reuniram para criar uma equipe que ficará de prontidão, caso o nível do Canal do Bitury continue a aumentar.

A urgência dessa ação foi detectada, depois que o Prefeito interino, Gilvandro Estrela, percorreu ainda pela manhã as áreas passíveis a alagamento na cidade. A ideia é que a força-tarefa atue em diversas frentes e que esteja de plantão 24h por dia.

Para isso, as áreas de risco foram identificadas, bem como todo o suporte para atender a população no que ela precisar. Essa prevenção se faz necessário depois que a cidade registrou 79,8mm de chuvas nas últimas 24h. Em alguns locais, como na Lagoa e Pontilhão, o aumento do volume do Rio Bitury, que corta o município, já pode ser notado.

De acordo com Joedna Souza, a equipe está comprometida com o bem-estar das famílias ribeirinhas. “Esperamos muito pelas chuvas e desejamos que nada venha a acontecer, porém estamos nos preparando para dar assistência total à essa população, se preciso for”, afirma a secretária de obras.

Já a secretária de ação e desenvolvimento social, Rosimere Guimarães, lembra que a força-tarefa conta com o departamento de transporte, com carros disponíveis; educação, com as escolas para servirem de abrigos; e até mesmo com a saúde, caso seja necessário algum tipo de atendimento médico e hospitalar. “Estamos todos em sintonia e em alerta”, garante ela.

 

Para o José Lopes, secretário de agricultura, a determinação é também atuar na prevenção de problemas relacionados às chuvas. “Nosso plano é disponibilizar pá mecânica e metralhas para diminuir os transtornos nas estradas da zona rural. Além disso, estou pleiteando junto ao prefeito mais máquinas para fazer a aração de terra, pois atualmente só contamos com dois tratores”, conta Lopes.

 

O próximo passo da equipe é se reunir com o Corpo de Bombeiros para estabelecerem outras metas de trabalho.